Aparelho invisível corrigindo mordida

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
corrigindo mordida com aparelho invisível smilink

Pensar em tipos de mordida é algo que parece fora da realidade, né?! Afinal, se essa é uma atividade que fazemos desde os primeiros anos de vida, como pode ser errado? Às vezes, é. E, às vezes, requer ajuda externa para ser corrigido e solucionar os possíveis problemas causados por esse hábito tão comum e natural.

Tão comum e natural que nem ao menos nos atentamos à prática. Basta mastigar e pronto, alimentos ingeridos. Certo? Errado. Nesse texto, iremos elencar alguns pontos sobre mordidas erradas e como é possível corrigi-la através do uso de aparelho invisível.

 Quais São os Tipos de Mordida?

Em geral, ao falar sobre mordidas dentárias, elencamos quatro tipos:

  • Mordida cruzada: nela, dentes superiores e inferiores não se chocam uns nos outros, o que causa uma certa sobreposição entre uma das partes da arcada. Esse tipo de mordida pode ser ocasionado por fatores genéticos ou até respiratórios e pode causar desde dores de cabeça a perda de dentes;

  • Mordida aberta: os dentes de cima e de baixo não se tocam mesmo quando a boca está fechada. Geralmente, isso acontece com os dentes da frente, pode ser causado por maus hábitos, como o uso prolongado de chupeta, e tende a causar desgaste nos dentes, fraturas e quedas dentárias;

  • Prognatismo: ocorre quando o paciente possui uma área da mandíbula mais proeminente que outra, o que também é chamado de mordida profunda. Muitas vezes, os casos são corrigidos com aparelho bucal, mas a recomendação de cirurgia ortognática também pode ser uma solução;

  • Apinhamento: é comumente conhecido como dentes encavalados, ou seja, há muitos dentes para um pequeno espaço bucal. Como consequência, além de dores de cabeça e de dentes, o apinhamento causa problemas de mastigação;

  • Diastema: também tratado como espaçamento excessivo entre os dentes, neste caso, há um espaço entre os dentes, geralmente, da frente, ou seja, a boca não é preenchida totalmente.

Como Corrigir Mordidas Erradas?

Pensando no conforto, praticidade, agilidade e independência do paciente, a melhor recomendação para casos de mordidas erradas, no geral, é o aparelho invisível, quando aplicável.

Entre seis a 12 meses, o tratamento com ele trabalha corrigindo a mordida diariamente, à medida que o uso de, em média, 22 horas diárias, ocorre.

Além disso, a tecnologia do aparelho invisível permite que o ortodontista responsável realize todo o planejamento necessário para que, fase a fase, ou seja, a cada troca de placas alinhadoras, os dentes sejam levados ao local correto, corrigindo a mordida.

”Nossos Alinhadores corrigem apinhamento leves e moderados, diastemas, inclinações dentárias leves e moderadas, cruzamento de 1 dente na região anterior, mordida profunda até 2mm”

Explica a Dra. Thais Sampaio, coordenadora clínica da Smilink.

É claro que cada caso é um caso e deve ser examinado e visualizado via imagens, como o escaneamento 3D, por exemplo, para um maior entendimento, mas ver o alinhador invisível corrigindo mordidas é, sem dúvidas, uma das funções do método.

Quando é o Momento Certo Para Corrigir a Mordida?

Assim que diagnosticado, o tratamento com aparelho invisível já pode começar. É claro que casos de correção ainda na infância são positivos, mas isso não impede que adultos também obtenham sucesso – muito pelo contrário!

O que ocorre com o método de aparelho invisível é a facilidade do próprio paciente poder ver e realizar as etapas de avanço sozinho, em casa. As visitas ao consultório para avaliação do ortodontista ocorrem a cada dois meses, enquanto as trocas de placas, acontecem a cada 14 dias, pelo paciente.

A mudança em qualidade de vida e o desaparecimento de tantos sintomas ruins ocasionados pela mordida errada são sentidos diariamente, à medida que o aparelho vai corrigindo a mordida, sem complicações ou mudança na rotina.

Ficou curioso?
Agende uma pré-avaliação com um de nossos dentistas e conheça o tratamento com aparelho invisível e saiba se para o seu caso ele é aplicável, é totalmente online e gratuita, esperamos por você!

VEJA TAMBÉM

dentes para frente como resolver rapidamente

Dentes para frente: a forma mais prática de resolver

Tecnologias modernas de tratamento ortodôntico, como alinhadores invisíveis também são indicados para caso de dentes muito para frente. E o melhor: com muito mais conforto e sem o visual do sorriso metálico de um aparelho fixo! É sobre isso que vamos falar na matéria.